segunda-feira, 19 de abril de 2010

Exemplo de Epígrafe

O MAR DE MINAS
Então, mãe, o mar é o que a gente tem saudades?
Miguilin
no curral del rey
o mar é um soluço
dis tan te

suas águas são
lágrimas ancoradas além
da mantiqueira

seu sal é suor
seu sal é sol
seu sal é só
saudade é uma
sol'edade

erro através das eras
em busca de seus rastro
pasto antigo de calcáRIO
e ferro

ouço ainda sua voz
cantiga eterna doce
pingente de uma
lapinha, maquiné

em mim o mar o mar
em mina s rasga o CAL
cari em lapas
profundas
profundos sumidouros que
dão notícias de suas
paisagens

passagens que fluem
nos rios sua
eterna
idade

resta nos agora
esse belo horizonte
naufragado
nas montanhas
CLAVER, Ronald. A Olho nu. 2 ed. Belo Horizonte: Opus 1976.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário